Hoje, os turistas buscam Ilha Grande atrás de sol, mar e natureza intocada. Patrimônio Mundial da UNESCO e reserva natural protegida, o paraíso do estado do Rio de Janeiro abriga flora e fauna coloridas, bem como algumas das praias mais bonitas do país. Mas a ilha nem sempre foi tão acolhedora... No século XIX, ela foi usada como colônia de leprosos e, mais recentemente, como uma prisão de segurança máxima para alguns dos criminosos mais perigosos do Brasil.

Intrigado? Clique nesta galeria para descobrir os segredos obscuros desta linda ilha brasileira!

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.