O Twitter anunciou novidades para os utilizadores do Spaces, o seu “rival” do Clubhouse, em Android e iOS. A partir de agora, todos os anfitriões poderão gravar o áudio das suas sessões. A funcionalidade foi introduzida pela plataforma em outubro do ano passado, mas estava limitada a um pequeno grupo de utilizadores.

A rede social explica que todas as gravações feitas estarão disponíveis para o público durante um período de 30 dias. Ao entrarem numa sessão que está a ser gravada, os participantes notarão num ícone no topo da sala virtual.

Os anfitriões poderão apagar as gravações das sessões se o desejarem, porém, o Twitter manterá os ficheiros áudio até 120 dias de modo a verificar se existem violações dos seus termos de serviço.

Recorde-se que, em outubro do ano passado, o Twitter abriu a porta dos seus Spaces a todos os utilizadores, independentemente do seu número de seguidores. A rede social tem vindo a introduzir várias novidades no Spaces, tendo também adicionado a possibilidade de ter dois co-apresentadores e até 10 oradores em cada sessão.

Clique nas imagens para mais detalhes sobre a versão mobile dos Spaces do Twitter

Além de começar a mostrar Spaces seguidos pelos utilizadores nos seus perfis e de disponibilizar uma versão para o browser, o Twitter expandiu também as opções de monetização da funcionalidade, permitindo vender bilhetes para sessões na funcionalidade.

Também no ano passado, o Clubhouse apresentou uma novidade semelhante, concebida para os anfitriões que querem dar aos seus ouvintes a possibilidade de voltarem a apreciar as sessões. A funcionalidade Replays pretende “captar a magia e energia de uma sala ao vivo na Clubhouse”, indicou a empresa, podendo ser ativada ou desativada por anfitriões em salas públicas. Quando a funcionalidade está ativada, os ouvintes poderão voltar a ouvir toda a experiência quando desejarem.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.