Para este segundo fim-de-semana de Rock in Rio, a organização recebeu um público mais “old school” neste sábado, ou não fosse um alinhamento composto por bandas com mais de 30/40 anos de carreira como a banda de grunge Bush, o reggae dos UB40 que traz a Lisboa o seu vocalista original Ali Campbell, o pop rock/new wave A-ha e claro, os cabeça de cartaz Duran Duran.

Considerando o alinhamento do palco principal, seria de esperar que os “miúdos” ficassem hoje em casa, a aguardar o dia de hoje, este sim para eles, esperando-se por Anita e Post Malone. E assim, não surpreendeu ver a zona de gaming retro repleto de adultos, mas não faltaram os mais jovens. É caso para dizer que se no sábado os filhos vieram “fazer companhia aos pais” e este domingo será o inverso.

Veja na galeria as fotografias do Game Square no Rock in Rio:

Sábado foi um dia dedicado ao saudosismo, em que se vivia a antecipação por um “Take on Me” dos A-ha à noite (que acabou por fechar o seu concerto), pela tarde as máquinas de pinball ou arcade na zona retro foram ocupadas, num espaço que cuidadosamente procurou recriar os salões dos anos 1980 (exceto as nuvens de fumo dos cigarros permitidos em espaços interiores na época).

Já aqui tínhamos destacado as diferentes áreas do Game Square na semana passada, mas este sábado, a zona retro parecia ter um sabor diferente e especial, transportando os visitantes para os saudosos anos 80. Só faltou mesmo os penteados dos visitantes cheios de laca e vestimentas mais coloridas, mas as t-shirts dos A-ha e Duran Duran serviram. E o relembrar deste período, muito na moda devido à série da Netflix, Stranger Things (que curiosamente voltou a meter Cate Bush nos tops do Spotify) não foi inocente por parte da organização: uma estátua de um ténis All Stars no local, com os números gigantes a formar “1985” foi um dos spots mais procurados para captar umas fotografias.

O SAPO TEK procurou algumas reações dos visitantes mais “sénior” do espaço de gaming retro e Paulo Garcia, referiu que estava a acompanhar o seu filho que é fã dos A-ha, mas que não resistiu a umas partidas de pinball. “Hoje em dia já não existem estes espaços como antigamente”, disse o visitante. Já Bruno Correia foi ao Rock in Rio com a sua esposa para ver os Bush, mas também os outros grupos. “Este salão foi um regresso ao passado, eu frequentava nos anos 1980/90 os espaços com estes jogos. Tenho alguns amigos que ainda têm umas máquinas arcade como estas em casa”, destacou o visitante, apontando como algumas das favoritas o Mortal Kombat, o Outrun, e claro as máquinas de pinball.

Rock in Rio - Game Square - 25 junho

Por fim, Sérgio Moreira disse ao SAPO TEK que escolheu o dia do Rock in Rio para ver Duran Duran e A-ha, “mas tinha de vir experimentar esta parte para relembrar o tempo do Target Renegade, Chucky Egg e lembro-me de colocar moedas em algumas destas máquinas”, salientando que o sábado era o dia da nostalgia. “O meu filho de 11 anos também já está ali a dar-lhe forte no pinball”, destacando que era uma novidade para o jovem, “ele é mais do Minecraft”. Por fim salientou a importância do espaço, por chegar muitas horas mais cedo antes do início dos concertos, o gaming foi a sua opção número um para passar o tempo.

Obviamente que as zonas de experimentação de gaming não se limitaram às máquinas de salões. As consolas mais recentes, como a Switch e a Xbox, também ofereceram algumas das novidades de videojogos do mercado. Nas consolas da Nintendo jogavam-se Mario Strikers: Battle League e Switch Sports, títulos que puxavam pela disputa entre os participantes e nas plataformas da Microsoft, LEGO Star Wars: The Skywalker Saga também serviu a sua dose nostálgica dos primeiros filmes do universo. Para quem gosta de videojogos de PC, a HP Omen tinha um espaço dedicado à experimentação de novidades.

Rock in Rio - Game Square - 25 junho

Tal como o sábado anterior, formaram-se filas para entrar nos espaços de gaming, considerando que a sua lotação era de 20 a 30 pessoas no interior. Os visitantes eram convidados a experimentar e a circular para dar lugar aos seguintes, mas sem atropelos ou pressas.

Fora das zonas de experimentação, o palco Worten Game Stage manteve-se sempre ativo, prometendo uma programação diária de cerca de 11 horas. Tal como na semana passada, o streamer GarciaP e a comentadora de eSports Marta Casaca foram os apresentadores residentes, esforçando-se por criar interações com o público que assistia. No fundo, e tal como a organização esperava, era trazer para o espetáculo ao vivo o que se passa normalmente frente aos computadores e às streamings da Twitch e YouTube. No fim-de-semana anterior juntou-se à dupla de anfitriões o apresentador convidado Estuca, neste segundo contou com o Possessivo.

Há batalhas de dança de Just Dance e muito cosplay para animar o espaço de gaming. E não faltaram momentos musicais coreografados por bailarinos profissionais da Jazzy Dance Studios, reproduzindo alguns momentos clássicos.

Durante a visita do SAPO TEK, a Nintendo tomou o palco principal com as suas corridas de Mario Kart, em que os visitantes literalmente jogaram ao volante de um kart, sendo agitados por um “green man”, um assistente totalmente vestido de verde cromático para não aparecer nas imagens transmitidas. Não foi só correrem pelos melhores tempos, mas sim sofrerem as partidas da organização, incluindo levar com tortas na cara.

Rock in Rio - Game Square - 25 junho

Fim de semana repleto de atividades no Game Square

Relativamente à programação do palco Worten Game Stage, estava previsto a presença dos influenciadores e criadores de conteúdo Ritinha, ImAUppa, Helena Santos, André Henriques, Joel Teles e Tio Sake durante o sábado, esperando-se para este domingo, o último dia do festival, a presença de TJI, RicFazeres, JOliveira10, Eevoh e ByCoutinho.

O canal SIC, através da sua plataforma ADVNCE, também tem algumas animações durante estes dois dias finais de Rock in Rio, unindo algumas caras conhecidas dos seus programas. O ADVNCE Game On contará com RicFazeres, Diogo Valsassina, Morais HD, Sara Rechena, Nelson AC Silva, Tomás Ky Leal e João Vitória. O ADVNCE All Star vai ser animado pela Filipa Fizz, MoveMind, JoãoS92, TugaTV, Maxmoshe, Balázio e Catarina Cardoso. O ADVNCE Power terá como protagonistas o Impakt, Cristiana Reis, Nuno Agonia, Marco Fresco, Gonçalo Taborda e Gabriela Neves. E por fim, o ADVNCE Move Party vai ter MoveMind a fazer passar-se por um personagem no jogo GTA, enquanto garante momentos divertidos em palco.

No sábado, o Red Bull Flick teve o melhor jogador de CS: GO português de todos os tempos, Ricardo “Fox” Pacheco, a desafiar o público a jogar um “one-on-one” contra si, mas também ao seu lado. No domingo, ainda no contexto da animação da Red Bull, vai realizar-se a semifinal do qualificador da competição mundial Dance Your Style que pode assistir no Worten Game Stage. Trata-se de um concurso de talentos na área de dança.

Rock in Rio - Game Square - 25 junho

Ainda no palco, as VR Battles, promovidas pela Omen, reúne a Omen Squad composta por MoveMind, o especialista de CS:GO Zorlak, Impakt e JoaoS92.

Se gosta de cosplay, prepare a câmara fotográfica, pois muitos fãs de cultura pop, anime e videojogos estão vestidos a rigor nas áreas do Game Square, sempre prontos a pousar para as fotografias de recordação. A Legião 501, o conhecido grupo dedicado a cosplay inspirado em personagens de Star Wars, também andam pelo festival, a pousar para as fotografias e provavelmente a tentar “usar a força” nos visitantes…

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.