Contam-se pelos dedos das mãos as pessoas que não adoram um bife com molho para molhar o pão e uma pratada de batatas fritas. Mas o pior é que é ao ingeri-los em excesso não é só o peso que sofre as consequências, mas, sim, a sua saúde, principalmente a cardiovascular, e de forma silenciosa. Hipertensão, AVC, demência e osteoporose: estas são as consequências que a ingestão excessiva de sal pode provocar.

Quer reduzir a pressão arterial? Para ajudá-lo nessa missão que, por vezes, pode parecer impossível, o portal espanhol Meganoticias compilou os seis alimentos que são tão (ou mais) nocivos que o próprio sal. Veja abaixo:

Açúcar

O açúcar constitui uma 'bomba' para hipertensos. Além de contribuir para o excesso de peso, o açúcar aumenta a pressão arterial.

Bebidas alcoólicas

Modere o consumo de álcool, uma vez que a ingestão de bebidas alcoólicas faz disparar a pressão arterial. Além disso, contribui para o aumento de peso.

Alimentos ultraprocessados

É fã de frituras, bolos, bolachas, enlatados, 'fast-food' e refeições embaladas e prontas para comer? Más notícias: são alimentos com níveis elevados de sódio, conservantes e gorduras trans e saturadas. Além disso, são fatores de risco para o desenvolvimento da diabetes e de doenças cardiovasculares. Prefira a dieta mediterrânica e inclua vegetais, fruta, frutos secos, peixe, carne e cereais na sua dieta, cozinhe com azeite, opte por alimentos grelhados, assados e cozidos a baixa temperatura, e reduza o consumo de batata, massa e arroz.

Produtos lácteos

O leite e os seus derivados, como a manteiga e o queijo, contêm altos níveis de gordura, fator que aumenta o "mau colesterol" (LDL). Recorde-se que quando os níveis no sangue são elevados, há um maior risco de estreitamento das artérias, causando doença cardíaca ou cerebral. Se ocorrer a formação de um coágulo numa artéria já estreitada, pode ocorrer um enfarte do miocárdio ou AVC.

Conservados

Para conservar alimentos por longos períodos de tempo, o sal é o ingrediente mais usado. No caso dos pickles, são utilizadas cerca de 447 miligramas de sódio, segundo dados do banco de alimentos dos Estados Unidos.

Tomate enlatado

As sopas e a polpa de tomate são ricas em sódio. E até aí, tudo bem. O problema surge quando exageramos no seu consumo.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.