Comece pré-aquecendo o forno em temperatura média. Com uma faca, retire os grãos de milho do sabugo e depois passe a faca, como se estivesse raspando para aproveitar o amigo de milho que fica no sabugo. 

Coloque todos os ingredientes do liquidificador, exceto o fermento e bata bem. Desligue o aparelho, retire o copo de usando uma espátula, misture o fermento delicadamente.

Despeje a massa em uma assadeira untada com manteiga e polvilhada com farinha de trigo. Cubra com papel alumínio. Leve ao forno para assar por mais ou menos 45 minutos.

Tire o papel alumínio e cozinhe por mais 5 minutos para dourar levemente. Sirva em seguida ou espere esfriar.

Ingredientes

  • 4 xícaras de chá de de milho verde - mais ou menos 6 espigas
  • 1  1/2 xícara de chá de açúcar
  • 2 xícaras de chá de leite
  • 2 unidades de ovos
  • 1 colher de sopa de manteiga - bem generosa
  • 1 colher de sopa de  fermento em pó para bolo
  • pitada de sal - opcional

Atenção para as dicas importantes:

Não dá para usar milho enlatado, precisa ser milho verde na espiga e também de uma manteiga de boa qualidade para preparar a sua pamonha.

Vale lembrar que, quanto mais tempo ela cozinhar, mais firme ficará. Sendo assim, se você deseja uma pamonha mais cremoso, tire uns 5 a 10 minutos antes. Tenha em mente que quando esfriar ou quando guardar na geladeira, o doce vai ficar mais firme e ao reaquecer ele fica mais cremoso.

O amido do milho, está no final do grão de milho, por isso é muito importante raspar a espiga, para retirar o amido e deixar a pamonha firme.  Mas se você não quer arriscar, pode colocar um pouco mais de maisena.

Na hora de servir, salpique um pouco de canela em pó!

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.