Morreu na madrugada deste sábado (5), o produtor e diretor Paulo Thiago, aos 75 anos, no Rio de Janeiro. A informação foi divulgada na coluna do Lauro Jardim, no site do O Globo.

Paulo Thiago dirigiu filmes como “Vagas para moças de fino trato” (1993), “Policarpo Quaresma, herói do Brasil” (1997), “Orquestra dos meninos” (2008), “Jorge, um brasileiro” (1989) e Sagarana, o Duelo (1974), ele também produziu longas como “O bom burguês” (1982), de Oswaldo Caldeira; “Beijo na boca” (1981), de Paulo Sérgio Almeida; e “Engraçadinha” (1981), de Haroldo Marinho Barbosa.

O cineasta estava internado desde o dia 7 de maio no Hospital Samaritano e sofreu uma parada cardíaca em função de uma doença hematológica.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.