Charles Polevich foi condenado a um ano de prisão por ter atropelado mortalmente Robert Maraj, o pai da cantora Nicki Minaj.

O autor do crime, ocorrido em fevereiro de 2021 em Long Island, nos Estados Unidos da América, declarou-se culpado, de acordo com a Associated Press.

Após o acidente, ele fugiu do local e escondeu o carro em casa. Foi detido três dias mais tarde após ter sido comprovada a sua culpa com recurso de imagens de videovigilância.

O fato de Charles Polevich ter assumido a culpa em tribunal contribuiu para a atenuação da pena, à qual se soma o pagamento de uma multa de mais de 5000 dólares.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.