As restrições afetarão, em especial, o setor de fabricação de microchips, que requer muita água. Por causa da pandemia, há problemas para atender a enorme demanda por semicondutores.

Hoje, a empresa pública de água aplica restrições em Taichung, Miaoli e Changhua, dois dias por semana. O governo já advertiu que é necessário se preparar "para o pior".

Durante os dias de racionamento, não é possível, por exemplo, fazer tratamentos em salões de beleza, ou lavar carro em postos de gasolina.

Este período de seca chega depois de nenhum tufão ter atingido Taiwan no ano passado, algo que não acontecia há 56 anos.

Na cidade de Tainan, ao sul, os níveis de água na maior represa da ilha estão abaixo de 12%, enquanto o reservatório de Baihe está completamente seco, de acordo com a agência de recursos hídricos.

Se a situação piorar, isso afetará o plano dos fabricantes de microchips da ilha, que reforçaram sua produção para tentar amenizar a desaceleração do abastecimento durante a pandemia. As fábricas de chips taiwanesas estão entre as maiores e mais avançadas do mundo.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.