A publicação desses resultados, examinados por um comitê de cientistas independentes, confirma que essa vacina é 70% eficaz, de acordo com o que a AstraZeneca anunciou em 23 de novembro.

A vacina da AstraZeneca é uma das três mais avançadas, desenvolvida em menos de um ano após o surgimento do coronavírus na China.

As outras duas vacinas são as do laboratório americano Moderna e a da aliança Pfizer/BioNTech (Alemanha e Estados Unidos), com a qual o Reino Unido já começou sua campanha de vacinação nesta terça-feira.

Moderna e Pfizer/BioNTech afirmam que seus produtos têm uma eficácia respectivamente de 94,1% e 95%. Seus resultados ainda não foram publicados por uma revista científica, mas foram transmitidos às distintas agências de medicamentos encarregadas de examinar as demandas de comercialização.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.