"Migrantes cercaram o presidente e o receberam com aplausos", afirmou a agência estatal Belta, que também publicou uma foto de Lukashenko com funcionários da Cruz Vermelha.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.