Darnella Frazier, de 17 anos, foi homenageada na cerimônia em que anunciaram os prestigiosos prêmios de jornalismo de 2021 por seu "corajoso" relato sobre o assassinato de Floyd em maio de 2020 por um policial de Minneapolis.

Frazier foi premiada por "gravar corajosamente o assassinato de George Floyd, um vídeo que desencadeou protestos contra a violência policial no mundo todo e que destacou o papel fundamental dos cidadãos na busca dos jornalistas por verdade e justiça", disse o comitê do prêmio.

A equipe do jornal Star Tribune de Minneapolis recebeu o prêmio na categoria de notícias de última hora, pela sua cobertura da morte de Floyd e suas repercussões.

O jornal The New York Times recebeu o prêmio de serviço público pela sua cobertura da pandemia de coronavírus.

O site BuzzFeed ganhou seu primeiro Pulitzer na categoria de reportagem internacional pela sua cobertura dos campos de prisioneiros construídos na China para a detenção em massa de muçulmanos.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.