"Em uma das situações políticas e pessoais mais odiosas que já enfrentei, acredito que agi de forma correta e adequada e que, em geral, tomei a melhor decisão que podia", afirmou Sturgeon a uma comissão de inquérito do Parlamento escocês, em Edimburgo.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.