Os agentes utilizaram canhões de água para dispersar os concentrados, vítimas de uma brincadeira de 1º de abril, por violarem a regra que determina que no máximo 4 pessoas podem se reunir nas vias públicas, para evitar a disseminação do coronavírus.

Pelo menos um policial ficou ferido e várias pessoas foram detidas, observaram jornalistas da AFP no parque Bois de Cambre, na capital belga.

A polícia, enfileirada e equipada com capacetes, avançou enquanto a multidão respondia atirando projéteis contra eles.

As autoridades da capital alertaram nesta quarta-feira que o anúncio, publicado em uma rede social, de uma "festa" era ilegal e que seus organizadores poderiam ser processados.

A AFP contatou a polícia, mas não foi possível especificar quantas pessoas compareceram ao evento, nem quantos agentes foram ao local ou quantas prisões foram feitas.

No sábado, a Bélgica apertou as restrições para tentar impedir o contágio da covid-19, ordenando o fechamento de escolas e lojas consideradas "não essenciais" e mantendo as fronteiras fechadas.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.