O barril de Brent do Mar do Norte para entrega em maio subiu 2,19% em Londres, a 64,07 dólares.

E o barril de WTI para entrega em abril subiu 2,56% em Nova York, a 61,28 dólares.

Na terça, os dois contratos tinham registrado queda, com o WTI fechando abaixo dos 60 dólares pela primeira vez desde o começo da semana passada.

Embora as reservas de petróleo bruto americanas tenham aumentado em 21,6 milhões de barris, a maior alta desde 1982, a queda dos estoques de gasolina de 13,6 milhões de barris teve mais peso para o mercado.

Da mesma forma, "é pouco provável que estes dados tracem um panorama confiável, em vista dos cortes de produção maciços nos campos petrolíferos e nas refinarias do Texas devido ao clima polar há duas semanas", explicou Eugen Weinberg, do Commerzbank.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.