A jurista, de 38 anos, obteve 71 votos dos 82 deputados presentes, segundo contagem oficial - proporção superior ao quórum necessário para a sua confirmação (80 deputados dos 120 que integram o hemiciclo).

"Constato que a Assembleia da República do Kosovo elegeu a Sra. Vjosa Osmani-Sadriu presidente da República", declarou o presidente do Parlamento, Glauk Konjufca.

O movimento de esquerda Vetevendosje (VV) do primeiro-ministro Albin Kurti, aliado de Osmani, conquistou mais de 50% dos votos nas eleições de fevereiro, prometendo erradicar a corrupção neste pobre território consumido pela instabilidade política.

Essas eleições confirmaram a queda da velha guarda de antigos comandantes da guerra contra as forças sérvias (1998-99), que dominaram a vida política por mais de uma década.

A votação começou no sábado e deveria terminar em no máximo três dias. Como o quórum necessário não foi alcançado ontem, a sessão foi suspensa e a votação foi retomada neste domingo.

No entanto, os partidos da oposição, especialmente as formações dos ex-combatentes da guerra de independência contra as forças sérvias boicotaram o processo, bem como os representantes da minoria sérvia.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.