Excursionistas descobriram o objeto no domingo em um terreno particular perto da reserva natural Kiekenberg, na província de Frísia, no norte do país, de acordo com Imke Boerma, porta-voz da Staatsbosbeheer, uma organização florestal holandesa.

"Supomos que provavelmente foi instalado durante o fim de semana, já que os visitantes que passeavam pelo local o encontraram (...) Mas não sabemos como foi parar lá", disse Boerma à AFP.

Os guardas foram examinar o objeto na manhã desta segunda-feira e ainda procuram pistas sobre sua origem.

Um objeto de aparência muito semelhante foi encontrado em meados de novembro no deserto de Utah (EUA), desaparecendo alguns dias depois. Dois outros surgiram nos dias seguintes na Romênia e na Califórnia (EUA).

Um quarto foi encontrado no domingo em uma praia na Ilha de Wight (sul da Inglaterra). Fotos publicadas pela mídia holandesa mostram o objeto encontrado na Frísia.

O monólito, cuja superfície é prateada, fica próximo a um lago coberto por um manto de gelo.

O monólito descoberto na Holanda é menos brilhante do que os encontrados em outros países, mas é de tamanho e forma similares, observou a televisão regional Omrop Fryslan.

"Eu cheguei mais perto, mas não havia nada de particular em torno do monólito. Parece que ele caiu do céu", disse o visitante Thijs de Jong a Omrop Fryslan.

Esta televisão suspeita que o monumento faça parte de uma campanha publicitária lançada por alguma "associação de São Silvestre (final do ano)", que recria uma tradição cujo objetivo é chamar a atenção do público holandês para uma cidade ou associação.

No entanto, nesta região não existem tais associações, de acordo com Thijs de Jong. "Pessoalmente, acredito mais em algo ligado a uma espécie de coletivo de artistas", acrescentou.

Essas descobertas se tornaram virais nas redes sociais devido às semelhanças com os monólitos extraterrestres do famoso filme de ficção científica de Stanley Kubrick "2001: Uma Odisseia no Espaço".

Um coletivo chamado The Most Famous Artist, com sede no Novo México (EUA), reivindicou a autoria do monólito de Utah, mas não daqueles encontrados em Romênia, Reino Unido e Holanda.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.