Esta medida, que também afeta as Filipinas e Bangladesh, entrará em vigor no dia 9 de abril às 03H00 no horário local, disse o Ministério dos Transportes em um comunicado.

Não se aplicará a britânicos, irlandeses ou residentes do Reino Unido, que, no entanto, serão obrigados a passar por 10 dias de isolamento em um hotel ao chegar na Inglaterra.

"Filipinas, Paquistão, Quênia e Bangladesh foram adicionados à lista vermelha", que já tem cerca de trinta países, incluindo Emirados Árabes Unidos e países da América do Sul, disse o ministério.

Embora mais de 31 milhões de primeiras doses da vacina contra a covid-19 e 4,5 milhões de segundas doses já tenham sido administradas no Reino Unido, "essas restrições adicionais ajudarão a reduzir o risco de novas variantes - como as identificadas na África do Sul e no Brasil - entrar na Inglaterra", acrescentou.

Em março, o Reino Unido começou a retirar gradativamente as restrições impostas por longos meses, graças ao sucesso de sua campanha de vacinação em massa, uma das mais avançadas do mundo.

O anúncio ocorre em um momento em que o governo britânico deve revelar novas regras para viagens internacionais na segunda-feira, já que férias no exterior estão proibidas, pelo menos até 17 de maio.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.