"Não falamos sobre o tema. Seu plano é claro: fica e faz isso com motivação porque não esteve bem nos últimos anos e tem vontade de mostrar sua qualidade. Fica para demonstrar sua qualidade", disse Ancelotti em entrevista coletiva prévia à partida de amanhã contra o Cádiz, pela penúltima rodada do Campeonato Espanhol, do qual o Real Madrid já é o campeão.

Depois de voltar aos treinos com o elenco na última terça-feira, após cirurgia em março para tirar uma placa da fíbula direita, Hazard, com contrato até junho de 2024, pode jogar alguns minutos antes do final da temporada, o que era seu objetivo.

"São muitos jogos, tem o cansaço, haverá rodízio, mesmo que este ano não tenha tido muito. Todos podem ter suas oportunidades. A titularidade em uma grande equipe é muito complicada para todos, não só para os jogadores que jogam menos", explicou o treinador.

O atacante belga, de 31 anos, pode deste modo retornar ao Santiago Bernabéu na última rodada do Campeonato Espanhol, no dia 22 de maio, contra o Betis.

Ele será um reforço importante para Ancelotti, tendo em vista a final da Liga dos Campeões da Europa contra o Liverpool, em Paris, no dia 28 de maio.

Hazard pode também reaparecer na seleção da Bélgica nos jogos contra Holanda (3 de junho), Polônia (8 e 14 de junho) e País de Gales (11 de junho) pela Liga das Nações.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.