O grego-alemão de 42 anos substitui Christian Gross, demitido no domingo, anunciou o clube do Ruhr, que venceu apenas uma partida em 23 rodadas do campeonato, com nove pontos a menos que o Bielefeld, que disputaria o play-off para se manter primeira divisão.

O contrato de Grammozis, nascido na Alemanha, mas que durante sua carreira no futebol jogou na seleção da Grécia, inclui a próxima temporada, mesmo que o time seja rebaixado.

Tendo atuado principalmente na Bundesliga, ele trabalhou nas categorias de base do Bochum e, em seguida, comandou a equipe profissional da segunda divisão, o Darmstadt, de fevereiro de 2019 a junho de 2020.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.