"Estou muito feliz por jogar no Eintracht Frankfurt", disse Gotze, de 30 anos, que marcou o gol da vitória da Alemanha na final do Mundial contra a Argentina em 2014.

"O clube passou por um desenvolvimento notável, que foi seguido por uma trajetória emocionante e ambiciosa, da qual estou feliz de fazer parte", disse o jogador, que também jogou pelo Borussia Dortmund e Bayern de Munique.

O Eintracht Frankfurt se classificou para a Liga dos Campeões pela primeira vez desde 1960, depois de conquistar a última Liga Europa ao vencer o Glasgow Rangers.

Low, que tomou a decisão de colocar Gotze em campo aos 88 minutos da final do Mundial de 2014, antes de seu gol aos 113 minutos, avaliou que ele agora pode retornar à seleção, onde não joga desde 2017.

"Ele tem todas as qualidades para isso", disse Low, que deixou o cargo após a Euro-2020, à rede Sky.

"Ele vai voltar a jogar a Liga dos Campeões, a Bundesliga e vai querer mostrar serviço para buscar um lugar na seleção na Copa do Mundo", acrescentou.

ryj/jc/ea/jld/psr/dam/aam

BORUSSIA DORTMUND

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.