O dinheiro servirá para ajudar a "apoiar a recuperação da Costa Rica e estabilizar sua economia" e assegurar a sustentabilidade de sua dívida, destacou o organismo em um comunicado.

"A agenda de reformas do governo está concentrada em promover um crescimento inclusivo e sustentável", acrescentou.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.