O CEO da Tesla, Elon Musk, concedeu uma entrevista ao canal Tesla Owners Silicon Valley no YouTube onde deu a entender que a escassez de componentes eletrônicos está a custar muitos milhões de dólares à empresa.

“Neste momento, tanto as fábricas de Austin [EUA] como de Berlim [Alemanha] são fornalhas gigantes de dinheiro”, afirmou Musk. “É como um rugido gigante, que é o som do dinheiro a ser queimado”. O empresário deu também a entender que, no caso da fábrica no Texas, estas instalações conseguiram produzir apenas um “pequeno” número de veículos.

“As nossas restrições situam-se muito mais em matérias-primas e sermos capazes de escalar a produção. Tal como sabe qualquer pessoa que tenha tentado encomendar um Tesla, a procura pelos nossos carros é extremamente alta e a lista de espera é longa. Isto não é intencional e estamos a aumentar a capacidade de produção tão rapidamente quanto humanamente possível”, explicou Musk.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.