"Seguindo as recomendações que recebemos das autoridades, preparamos no fim de semana um semiconfinamento seletivo e geográfico", indicou a chefe de governo em vídeo publicado nas redes sociais esta noite.

As medidas serão aplicadas nas regiões mais afetadas do país: Copenhague e arredores, Aarhus (oeste) e Odense (centro). "Temos que controlar a infecção até o Natal", declarou a premier, depois que a Dinamarca anunciou um recorde de 1.745 casos diários.

À exceção dos territórios autônomos Groenlândia e Ilhas Faroe, onde ainda não houve óbitos, o país, de 5,8 milhões de habitantes, já registrou 90 mil casos e 885 mortos pela Covid-19.

hdy/map/bc/gma/lb

FACEBOOK

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.