"Estou muito feliz em poder informar que o comitê concordou - e acho que esta é a primeira vez que conseguiu fazê-lo - (...) sobre uma programação e uma data para a próxima reunião", afirmou Geir Pedersen, em coletiva de imprensa em Genebra, após cinco dias de negociações.

O Comitê Constitucional, formado por 45 pessoas (representando partes iguais do governo de Damasco, da oposição e da sociedade civil), se reuniu na segunda-feira pela quarta vez desde outubro de 2019.

O próximo encontro deve "abordar os princípios constitucionais ou os princípios básicos da Constituição", explicou Pedersen.

Este comitê, encarregado de revisar a Constituição de 2012, foi criado em setembro de 2019 e se reuniu pela primeira vez um mês depois.

Divergências importantes entre os principais protagonistas, além da pandemia, têm dificultado o ritmo das reuniões.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.