O City deu mais um passo rumo ao título na casa dos 'Foxes', com gols do francês Benjamin Mendy (58), em um dos poucos jogos em que entrou como titular, e do brasileiro e aniversariante do dia Gabriel Jesus (74), recebendo de Raheem Sterling após uma ótima assistência de Kevin de Bruyne.

"É um grande passo para vencer a Premier League", disse o técnico Pep Guardiola, após o jogo. "A Premier League é a competição mais agradável (para vencer), dura 11 meses e é muito difícil. Estamos perto", acrescentou o treinador.

Foi uma partida arriscada para o City, entre a pausa das datas Fifa e o jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões, na terça-feira, contra o Borussia Dortmund. Mas tudo ocorreu como de costume e agora a equipe está a 17 pontos do United, que recebe o Brighton (16º) neste domingo.

Guardiola mostrou que a competição continua sendo a prioridade de sua equipe. John Stones, João Cancelo, Ilkay Gundogan e Raheem Sterling foram alguns jogadores que permaneceram no banco após atuarem por suas seleções nos últimos 10 dias.

"Nunca se sabe depois de uma pausa internacional, mas confio nos meus jogadores", acrescentou Guardiola. "Os jogadores nem sempre acreditam em mim, mas gosto de todos eles. Hoje confio em alguns dos meus jogadores que não jogam há algum tempo".

O ídolo argentino Sergio Agüero foi titular, poucos dias depois de anunciar que esta seria sua última temporada no City após uma década de conquistas. Em um ano marcado por lesões, essa foi a sexta partida de 'El Kun', que pouco apareceu.

Os 'Citizens' não conseguiram fazer a diferença no primeiro tempo, mas controlaram o jogo, sem conceder ao Leicester um único chute na direção do gol nesses 45 minutos.

O domínio da posse de bola e a paciência do City foram finalmente recompensados aos 13 minutos do segundo tempo de maneira improvável.

Riyad Mahrez chutou e seu ex-companheiro de equipe Schmeichel espalmou. Mas, após o rebote, a bola sobrou para Mendy, que acertou de pé direito, o mais fraco, marcando apenas seu segundo gol em quatro temporadas como jogador do City.

Guardiola se deu ao luxo de colocar Sterling em campo enquanto o Leicester precisava partir para cima e buscar o empate.

E o foi assim que o jogador da seleção inglesa deu a assistência para o segundo gol, marcado por Gabriel Jesus, que fez 24 anos neste sábado.

- Primeira derrota de Tuchel -

Mais cedo o Chelsea sofreu a sua primeira derrota desde a chegada do técnico alemão Thomas Tuchel ao perder para o West Bromwich Albion (5-2), penúltimo colocado, embora a equipe londrina tenha jogado com um homem a menos durante uma hora.

A expulsão do zagueiro brasileiro Thiago Silva aos 29 minutos, logo após seu companheiro de equipe americano Christian Pulisic abrir o placar (27), desorganizou totalmente a defesa do Chelsea, que havia sofrido apenas dois gols em 14 jogos com Tuchel.

O atacante brasileiro do West Bromwich Albion, Matheus Pereira, aproveitou a superioridade numérica e fez dois gols quase consecutivos nos acréscimos do primeiro tempo (45+2 e 45+4).

O irlandês Callum Robinson, que também fez uma dobradinha, ampliou para 3 a 1 aos 63 minutos, o senegalês Mbaye Diagne marcou o quarto gol de sua equipe (68) e Robinson fechou o placar (90+1).

O Chelsea chegou a marcar um segundo gol, através de Mason Mount, aos 71 minutos, fazendo 4 a 2, mas a reação não deu muita esperança aos "Blues".

Derrotado pela primeira vez em dez jogos da Premier League, o time londrino continua em quarto lugar, mas West Ham e Tottenham, dois e três pontos atrás, podem superá-lo se vencerem seus jogos de segunda-feira e domingo contra o Leicester e o Newcastle, respectivamente.

Em outra partida disputada neste sábado, o Leeds, do técnico argentino Marcelo Bielsa, praticamente garantiu sua permanência na Premier League após vencer o lanterna Sheffield por 2 a 1.

Com esta vitória, o Leeds chegou aos 42 pontos, 16 acima da zona de rebaixamento, no momento em que restam oito jogos para a equipe de Bielsa até o final da temporada.

E um duelo entre dois gigantes que não vivem uma grande fase nesta temporada fechou a jornada deste sábado. O atual campeão Liverpool subiu provisoriamente ao quinto lugar graças à vitória por 3 a 0 em Londres sobre o Arsenal (9º) com dois gols do atacante português Diogo Jota (64 e 82) e um do egípcio Mohamed Salah (68).

-- Resultados das partidas da 30ª rodada do campeonato inglês e classificação:

- Sábado:

Chelsea - West Bromwich 2 - 5

Leeds - Sheffield United 2 - 1

Leicester - Manchester City 0 - 2

Arsenal - Liverpool 0 - 3

- Domingo:

(08h00) Southampton - Burnley

(10h05) Newcastle - Tottenham

(12h30) Aston Villa - Fulham

(15h30) Manchester United - Brighton

- Segunda-feira:

(14h00) Everton - Crystal Palace

(16h15) Wolverhampton - West Ham

Classificação: Pts J V E D Gp Gc SG

1. Manchester City 74 31 23 5 3 66 21 45

2. Manchester United 57 29 16 9 4 56 32 24

3. Leicester 56 30 17 5 8 53 34 19

4. Chelsea 51 30 14 9 7 46 30 16

5. Liverpool 49 30 14 7 9 51 36 15

6. West Ham 49 29 14 7 8 45 35 10

7. Tottenham 48 29 14 6 9 49 30 19

8. Everton 46 28 14 4 10 40 37 3

9. Arsenal 42 30 12 6 12 40 35 5

10. Leeds 42 30 13 3 14 47 48 -1

11. Aston Villa 41 28 12 5 11 39 30 9

12. Crystal Palace 37 29 10 7 12 31 47 -16

13. Wolverhampton 35 29 9 8 12 28 38 -10

14. Southampton 33 29 9 6 14 36 51 -15

15. Burnley 33 29 8 9 12 22 37 -15

16. Brighton 32 29 7 11 11 32 36 -4

17. Newcastle 28 29 7 7 15 28 48 -20

18. Fulham 26 30 5 11 14 23 38 -15

19. West Bromwich 21 30 4 9 17 25 59 -34

20. Sheffield United 14 30 4 2 24 17 52 -35

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.