"Ao chegar à praia, a equipe observou um grande número de pequenos peixes pelágicos (sardinha, anchova, etc.) e espécies demersais (dourado, robalo, pescada, entre outros) encalhados na praia", relatou o diretor-geral da Comissão Nacional de Pesca, Michael Arthur-Dadzie, em comunicado.

"Pelas primeiras observações, os peixes não apresentavam lesões nem ferimentos", afirma o comunicado, acrescentando que várias amostras foram enviadas a um laboratório para tentar esclarecer as causas do fenômeno.

"Contamos 60 golfinhos mortos e também peixes pequenos. É estranho, e não dá para dizer o que aconteceu de fato, provavelmente em alto-mar, para que espécies como essas encalhassem aqui", comentou Samuel Obeng, um pescador local, em conversa com repórteres.

Gana está localizada ao longo do Golfo da Guiné, no Oceano Atlântico, e tem 550 quilômetros de costa.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.