Esta "visita virtual permite à Secretária Geral Adjunta fazer um balanço do trabalho que a ONU faz na Colômbia", disse Dujarric em sua coletiva de imprensa diária.

A "delegação se reunirá por videoconferência com vários funcionários, entre eles o presidente Iván Duque", explicou.

Mohammed "estará acompanhada da diretora (da agência) ONU Mulheres e a Vice-secretária-geral de Assuntos Políticos", acrescentou Dujarric.

Consultado se o secretário-geral da ONU, António Guterres, também planejava fazer "visitas virtuais" a países, o porta-voz respondeu que não tinha anúncios a respeito.

"Esta é a primeira visita virtual da Secretária-geral Adjunta; talvez outros no sistema da ONU a tenham feito. É um meio muito eficaz, em vista dos desafios que se apresentam para as viagens de altos funcionários, com a finalidade de que possam interagir com as autoridades nacionais, as ONGs e as equipes da ONU", destacou.

Nova York, onde fica a sede da ONU, está impondo uma quarentena de 14 dias a todos os viajantes estrangeiros que retornam para a cidade, assim como aos visitantes americanos de vários estados do país, muito afetados pelo vírus.

Os conteúdos mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Brasil e fique por dentro.

Siga-nos na sua rede favorita.